Inicio » , , , , » Travessia da Juatinga (dia 1): De Paraty Mirim até a Praia Grande

Travessia da Juatinga (dia 1): De Paraty Mirim até a Praia Grande

O primeiro dia de trilha passando pelas águas calmas do Saco do Mamaguá


Aproveitei um feriadão de 4 dias para realizar essa aventura que eu já tinha planejado há anos e toda vez que tentei concretizar, vinha uma chuva e estragava os planos. Segui para a região na noite anterior e fiquei hospedado na casa dos familiares de um amigo na BR-101, entre Paraty e Trindade-RJ. 


PARATY MIRIM

Às 6h00 da manhã, parti com um grupo de amigos e com as mochilas para a beira da BR-101 e pegamos um ônibus circular em direção ao centro de Paraty (R$ 4,25, em março de 2018). Pedi para o motorista nos deixar em uma parada de ônibus próximo da entrada de Paraty Mirim. Pegamos outro ônibus que faz o trajeto Paraty x Paraty Mirim (mais R$ 4,25). O ônibus nos deixou na pequena comunidade de Paraty Mirim perto da igrejinha histórica de Nossa Senhora da Conceição, construída em 1746. O local foi porto de desembarque de escravos naquela época.

Chegada na pequena vila de Paraty Mirim


Nossa Senhora da Conceição, do século 18


Era cedo e a praia ainda estava vazia. Assim que desembarcamos do ônibus, alguns barqueiros se aproximaram oferecendo seus serviços. Uma regra que sigo é nunca aceitar serviços de alguém que já chega oferecendo, provavelmente é mais caro. Fui até a beira do mar e negociei um barco para a travessia do Saco do Mamaguá até a Praia do Cruzeiro. Era feriado, alta temporada, e o melhor preço que consegui foi R$ 140 (fica R$ 20 por pessoa, num grupo de 7). 

Praia de Paraty Mirim no Saco do Mamaguá


A travessia é rápida até a Praia do Cruzeiro, início da trilha


PICO DO PÃO DE AÇÚCAR

Ao desembarcar na Praia do Cruzeiro, pegamos a trilha que segue pela esquerda para a próxima comunidade. Alguns metros à frente desta trilha está o início de outra trilha, a do Pico do Pão de Açúcar, um ponto alto da travessia da Juatinga. Tem 1 km de subida íngreme que alguns fazem em 1 hora mas eu fiz em 20 min num ritmo acelerado. Escondi minha mochila cargueira na mata do início da trilha para subir leve!

O Pico do Pão de Açúcar visto da Praia do Cruzeiro


Placa que marca o início da trilha para o Pico do Pão de Açúcar


Quando a subida começa a castigar, a gente se depara com a mensagem: "vai piorar"


Fiz a trilha correndo para ser o primeiro a chegar e ter momentos de exclusividade lá em cima


O alto do Pico do Pão de Açúcar proporciona uma vista sensacional do Saco do Mamaguá, o único lugar do Brasil com formação similar aos fiordes, muito comuns em países escandinavos como a Noruega. Alguns o classificam como sendo o único fiorde tropical do mundo, tendo 8 km de comprimento desde a entrada do mar.

Mirante do incrível Saco do Mamaguá localizado a 420 m de altura


Considerado o único fiorde tropical do mundo


TRILHA DA PRAIA DO CRUZEIRO À PRAIA DO ENGENHO

Desci o Pico do Pão de Açúcar e continuei pela trilha que segue entre a mata beirando o litoral por subidas e descidas curtas, passando por casas e desviando por cima de terrenos particulares na beira da praia. Em certo ponto, a trilha terminou na areia de uma praia que tinha uma bonita casa particular com gramado. Como não achei a continuação da trilha, entrei pelo terreno da casa e uma mulher, aparentemente a caseira, apareceu me questionando onde eu estava indo. Eu expliquei que estava procurando a continuação da trilha até a Praia do Engenho. Ela então me guiou por dentro do quintal da casa até a trilha, ou seja, a casa foi construída no meio do caminho da trilha. Mais tarde, eu descobri que aquela casa foi cenário do filme Crepúsculo, com Kristen Stewart e Robert Pattinson, em cena filmada no Brasil.

A trilha segue entre a mata que beira o litoral


A trilha se interrompeu nessa praia paradisíaca e tive que passar pelo gramado de uma casa


Percebi que os postes de luz que foram colocados ao longo da trilha são fabricados com fibra e são bem leves. Alguns possuem marcações que indicam a direção da trilha. Em outro ponto, a trilha passou por dentro de uma bonita pousada na beira das águas. No final do terreno da pousada é necessário passar por dentro d´água para continuar na trilha. Na continuação, a trilha segue até passar numa pequena comunidade antes de chegar na Praia do Engenho. A trilha entre o Pico do Pão de Açúcar e a Praia do Engenho tem 3 km aproximadamente.

Alguns postes possuem setas indicando o caminho correto


A trilha passa por uma pousada à beira do litoral


Para continuar na trilha, é necessário cruzar esse pequeno trecho pela água


São 3 km de trilha entre o Pico do Pão de Açúcar e a Praia do Engenho


PRAIA DO ENGENHO

Cheguei na Praia do Engenho por volta das 13h00 e fiz uma parada para descanso. Eu estava morrendo de fome, mas a Praia do Engenho não possui estrutura de bares e restaurantes, é uma praia cercada de mata nativa e com amendoeiras que fazem uma grande área de sombra para os visitantes. Possui alguns bancos de madeira e um gramado onde é possível deitar e descansar. Almocei a comida que eu levei e amarrei minha rede entre as palmeiras baixas para descansar um pouco.

As águas cristalinas da Praia do Engenho


Aproveitei a sombra para parar e almoçar


Momentos de paz naquela praia paradisíaca


MORRO DO MAMAGUÁ

Como a vida boa é só para os fracos, tive que colocar a mochila nas costas e deixar o paraíso da Praia do Engenho para trás. Chegou a hora encarar mais um desafio: o Morro do Mamaguá, por uma trilha de 1,6 km de subida íngreme por dentro da mata, com desnível de 428m de altitude.

A trilha sobe 1,6 km pelo meio da mata fechada


PRAIA GRANDE DE CAJAÍBA

Foram 4,2 km desde a Praia do Engenho, passando pelo alto do Morro do Mamaguá, até chegar na Praia Grande de Cajaíba. Cheguei na areia já escurecendo e percorri o litoral que possui 1 km de extensão. Ali existe uma pequena comunidade caiçara, com estrutura bem simples e havendo 2 bares já no final da praia. No último bar, negociei com o dono que era muito gente boa e pagamos R$ 20 pelo camping e R$ 25 um prato feito gigante com peixe frito. Montei minha barraca debaixo de uma amendoeira e dormi como uma pedra. O primeiro dia estava concluído com sucesso! 

Noite clara na Praia Grande de Cajaíba


MEU ROTEIRO
Roteiro completo: TRAVESSIA DA JUATINGA 



Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Anterior Proxima Página inicial

Reservas na Asia

trazy.com

Promoção! Reserve aqui

Booking.com

Se inscreva no canal

Clique aqui para seguir no

Pesquise o seu destino aqui

Booking.com

Leia Também

Viagens pelo Mundo

Sobre o autor

Sobre o autor
Renan tem 36 anos, é carioca, mochileiro, torcedor do Botafogo, historiador e arqueólogo amador. Gosta de viajar, fazer trilhas, academia, ler sobre a história do mundo e os mistérios da arqueologia, sempre comparando os lados opostos de cada teoria. Cada viagem que faz é fruto de muito planejamento e busca conhecer o máximo de lugares possíveis no curto período que tem disponível. Acredita que a história foi e continua sendo distorcida para beneficiar alguns grupos, e somente explorando a verdade oculta no passado é que se consegue montar o quebra-cabeça do mundo.

Total de visualizações