Inicio » , , , , , , » Grécia: Decifrando a culinária grega durante uma viagem

Grécia: Decifrando a culinária grega durante uma viagem

Os comes e bebes típicos sem saber falar grego




A cozinha tradicional grega é particularmente notável para o uso de ingredientes de alta qualidade característicos da dieta mediterrânea, além da utilização adequada de especiarias e ervas. Provavelmente, o mais importante ingrediente dos pratos é o famoso azeite de origem grega, produzido principalmente na Ilha de Creta.

Apesar de eu não ser um apreciador de pratos típicos e também não viajo com o intuito de conhecer a culinária de cada país, as dicas abaixo serão importantes também para, aqueles como eu, traduzirem o cardápio na hora da refeição.


QUANDO COMER?

Em geral, os gregos têm uma agenda muito semelhantes às nossas refeições, o almoço é servido geralmente de 13h30 às 16h00 e o jantar de 21h30 às 23h00. Porém eles estão acostumados a turistas de todo o mundo e geralmente não há problema para encontrar o almoço ou jantar a hora que quiser. 

Saboreando um Chicken Filet no fim de tarde de Corinto


QUANTO VAI GASTAR?

Os preços dos restaurantes em Atenas são semelhantes aos que podem ser encontrados em outros países da Europa. O preço das entradas varia de 8 a 12 euros, e geralmente satisfazem uma pessoa. Aqueles que têm um orçamento mais apertado pode optar por comer um Pita Gyros (cone) por cerca de 2 euros ou um Souvlaki (espetinho) em uma das"tavernas".

Cardápio de uma taverna em Plaka, Atenas 


Variedades e preços no centro turístico de Mykonos


Uma grande vantagem de comer nos restaurantes é que, normalmente, toda refeição vem acompanhada de uma garrafa de água e um cesto de pão, inteiramente grátis! Você assim tem uma pequena economia na hora de pagar a conta.


21 PRATOS TÍPICOS

Os pratos mais típicos da cozinha grega são, sem dúvida, a Moussaka e o Pita Gyros. Veja abaixo a descrição de cada item para ajudar a sobreviver na hora de ler o cardápio:

1) Mousakka: é um prato consistente melhor servido quente, o que é ideal para aquecer durante as noites frias de inverno. É uma espécie de lasanha cujos ingredientes são picados, cordeiro, berinjela e tomate. Algumas versões também incluem outros ingredientes, tais como batatas ou zucchini.

2) Pita Gyros: é pão pita assado recheado (frango ou cordeiro), tomate, cebola e salsa. O nome é porque a carne fica rodando de forma contínua durante o cozimento. 

3) Tzatziki: molho de iogurte com pepino e alho.

4) Spanokopita: massa recheada com espinafre.

5) Tyropita: massa recheada com queijo feta.

6) Spanakotiropites: bolinhos de massa com Queijo Feta (típico da Grécia) e espinafre.

7) Saganaki: queijo frito.

8) Dolmades: folhas enchidas da videira carne, arroz ou legumes.

9) Horiatiki: salada com tomate, pepino, cebola, pimenta, azeitonas e queijo feta.

10) Fasolada: feijão sopa, tomate, cenoura, aipo e azeite de oliva.

11) Fakes: sopa de lentilha.

12) Patsas: sopa de tripas.

13) Pikilia: picles, aipo, camarão, cebola, camarão, tomate, pepino, azeitonas e queijo feta.

14) Souvlaki: kebabs no espeto. Pode ser cordeiro, frango, carne de porco, peixe ou camarão.

15) Keftedes: almôndegas fritas com orégano e hortelã.

16) Melitzanosalata: salada de beringela.

17) Fava: purê de ervilhas.

18) Loukoumi: doce a base de amido e açúcar.

19) Loukoumades: bolas de massa frita com mel e canela.

20) Mezze: Seleção de lanches variados geralmente servido com Ouzo.

21) Koulouris: rosquinha típica grega.

Um souvlaki com fritas vendido na ilha de Creta 


Cordeiro sendo assado num "churrasco" dentro de uma casa em Corinto 


BEBIDAS TÍPICAS

A Grécia está na Europa, logo, não se pode fugir de um bom vinho, principalmente numa caneca de 500 ml ou 1L que pode ser servido em quase todos os estabelecimentos por preços que variam em torno de 5 euros. Ah, e como ninguém é de ferro, a cerveja também é popular no país, principalmente da marca Mythos. Mas se você pretende variar, segue outras 3 opções de bebidas típicas:

1) Metaxa: mistura de conhaque e vinho.

2) Ouzo: licor de sabor doce e cheiro de alcaçuz.

3) Retsina: vinho ancestral, com origem estimada há cerca de 2 mil anos. Feito com uma espécie de resina de um pinheiro da região de Aleppo, é um vinho extremamente aromático, mas estranho, com notas vigorosas de cedro, pinho (Pinho Sol, inclusive, em alguns casos, além de outros produtos químicos). Seu valor é mais econômico que um vinho tradicional.

Canecão que serve o vinho da casa, mais econômico


Mesmo nos lugares mais "chics", o vinho da casa ainda é o mais barato


Mythos, a cerveja grega mais popular


Retsina, bebida típica da Grécia que pode ser encontrada nas cartas de vinho. Não pense que é como o vinho tradicional, talvez não goste!  


COMIDAS CONHECIDAS DE TODOS NÓS

Mas para que é como eu, não gosta de comer nada estranho ao que já está acostumado, não se preocupe, na Grécia você vai achar as mesmas besteiras para comer que existem no Brasil, outras até melhores.

Crepe gigante de frango em Kalambaka, na Creperia Mnam Mnam, excelente custo benefício, matou a fome na viagem de trem 


Uma surpresa boa (deliciosa) é o sorvete de Nutella das sorveterias de Plaka


Para quem não quer arriscar, a velha e boa pizza salva a pátria com preços de 5 a 12 euros


MEU ROTEIRO

Roteiro completo: MISSÃO GRÉCIA


Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Anterior Proxima Página inicial

Reservas na Asia

trazy.com

Promoção! Reserve aqui

Booking.com

Se inscreva no canal

Clique aqui para seguir no

Pesquise o seu destino aqui

Booking.com

Leia Também

Notícias de Viagens

Viagens pelo Mundo

Sobre o autor

Sobre o autor
Renan tem 35 anos, é carioca, mochileiro, torcedor do Botafogo, historiador e arqueólogo amador. Gosta de viajar, fazer trilhas, academia, ler sobre a história do mundo e os mistérios da arqueologia, sempre comparando os lados opostos de cada teoria. Cada viagem que faz é fruto de muito planejamento e busca conhecer o máximo de lugares possíveis no curto período que tem disponível. Acredita que a história foi e continua sendo distorcida para beneficiar alguns grupos, e somente explorando a verdade oculta no passado é que se consegue montar o quebra-cabeça do mundo.

Total de visualizações