A misteriosa Esfera Mágica de Atenas

Qual a finalidade desse objeto com símbolos desconhecidos?


Durante minhas viagens através da Grécia, tive contato com um objeto ainda pouco conhecido no mundo, talvez porque ainda não teve um documentário no History Channel ou ter sido citado em nenhum livro de renome, mas que me chamou bastante a atenção. Este objeto é um esfera misteriosa exposta no Museu da Acrópole de Atenas, conhecido apenas pelo nome de A Esfera Mágica. Uma bola de mármore, de aproximadamente 30 cm de diâmetro (11,8 polegadas), coberta com desenhos e símbolos misteriosos em alto relevo.  O verdadeiro significado dessa esfera parece ser ainda um mistério.


DESCOBERTA ARQUEOLÓGICA

Foi achada durante uma escavação em 1866 pelo arqueólogo, negociante de antiguidades, Prof Athanasios Rhousopoulos, enterrada na colina nos arredores do Teatro de Dionísio, em Atenas. A esfera mostra o que arqueólogo Armand L. Delatte acredita ser o deus Helios: "Com a mão direita, ele segura um chicote parcialmente mutilado, o outro um longo cetro que se baseia em terra e termina com três pequenas tochas. A seus pés, esquerda e direita, estão sentados dois cães ... "

Delatte, que foi o primeiro (e aparentemente, o único) arqueólogo a ter se interessado pela pedra em 1918, traçou paralelos entre a iconografia desta peça com outros trabalhos artísticos em papiro de períodos muito anteriores, sugerindo-se que a magia praticada foi provavelmente vista como tradicional. Outros sugeriram que a figura principal pode, na verdade, ser do sexo feminino, talvez Afrodite ou Perséfone, ou mesmo o raramente representado Hermafrodite (filho de Hermes e Afrodite), que representava a conexão entre o masculino e o feminino, incorporando ambas as formas. Delatte ainda sugere que há uma conexão com o mês de agosto e, talvez, com o deus Atlas.

Placa explicativa do Museu da Acrópole de Atenas


a esfera foi datada do 2º ou 3º século a.C., no período da anexação romana da Grécia, um período de grande agitação em todo o Mediterrâneo e Europa Ocidental. A explicação para a origem dos símbolos estão entre alfabetos grego esquecidos, conhecimento alquímico, e laços com o passado bárbaro dos povos gregos.


EXPLICAÇÃO OFICIAL

Como tudo que se refere ao mundo antigo que não podemos achar uma explicação completa, se cria uma explicação pela metade e esta é defendida pelos acadêmicos. Talvez esse seja o caso também da Esfera Mágica.

Sugere-se que a esfera funcionava como um talismã para influenciar magicamente no resultado das competições esportivas. Uma espécie de bruxaria para seu time vencer o campeonato.

Pensando assim, se a Grécia não perdesse esse conhecimento através do tempos, talvez a seleção pentacampeã do mundo no futebol seria azul e branca...


SEGREDOS ESCONDIDOS NA ESFERA

Deixando um pouco de lado o blá blá blá acadêmico, vamos nos permitir questionar algumas características da esfera. O que mais chama a atenção, sem dúvida é figura humana atribuída ao deus Helios pelos curadores do Museu da Acrópole.

Sobre a impossibilidade de definir o sexo, segundo Jesse Waugh, embora Atenas por vezes represente ambas as características masculinas e femininas, esta imagem parece incorporar um aspecto mais difícil, mais abrangente de gênero do que a Deusa da Sabedoria. A figura parece possuir um cálice em sua mão esquerda e uma espécie de vara em sua mão direita. Estes poderiam ser símbolos da dicotomia sexual.

Suposta representação do deus Hélio


Assim como os dois objetos nas mãos do personagem, abaixo dela temos 2 animais: Um leão e um dragão-lagarto (que segundo o arqueólogo Delatte, seriam cães, apesar de não parecerem nada com isso). O dragão, animal mitológico encontrado em diversas culturas como o dragão chinês e o deus Quetzalcoatl dos maias. Um dos significados esotéricos do dragão ou serpente alada é que, com as asas dos pássaros voam acima e com o corpo de uma serpente desliza abaixo. Tudo isso dentro do ensinamento hermético: "Aquilo que está embaixo é como aquilo que está em cima, aquilo que está em cima é como aquilo que está embaixo". Se percebermos, esse ensinamento se enquadra bem na figura.

Outra curiosidade que vemos na figura é sua semelhança com a Estátua da Liberdade. Na verdade, a estátua americana foi um presente francês inspirado no Colosso de Rodes, localizado na ilha grega que possuía uma estátua gigantesca do deus Helios (o mesmo deus suposto da esfera) na entrada de seu porto. Aquela estátua antiga era considerada uma das 7 maravilhas do mundo e hoje já não existe mais.

Colosso de Rodes (esquerda) e Estátua da Liberdade (direita)


Do lado direito do desenho do deus, estão os símbolos que achei mais enigmáticos: 5 aros que lembram o logotipo dos Jogos Olímpicos acima de um tridente apontando para baixo, e sob o que parecem ser os ícones de medição de algum tipo, talvez de algum esporte. Dentro dos aros algumas escritas.

Símbolos geométricos que lembram os aros olímpicos


Girando a esfera, seguindo ainda para a direita das figuras, vemos novamente a figura de animais, todos cercados de escrituras e desenhos geométricos. Serpentes e um leão, dessa vez com desenhos mais nítidos do que aquele da figura do deus Helios. Teriam estes desenhos, principalmente o do leão, alguma referência aos signos do zodíaco e às constelações?

Os símbolos teriam ligação com a astrologia?


O leão poderia ter relação com períodos ou posições cósmicas da constelação de Leão 


Desenho de serpente enrolada nesta face menos conservada da esfera


E por falar em constelações, na parte superior do objeto estão os símbolos que mais se assemelham a marcações astrológicas/astronômicas. Uma comparação curiosa é com outras esferas misteriosas existentes no mundo, como as esferas da Costa Rica.

Pontos e traçados poderiam ser representações de estrelas e suas posições


As diversas esferas encontradas na Costa Rica ainda não foram explicadas e variam de poucos centímetros até diâmetros maiores que 2 metros. O interessante é que uma delas possui desenhos esculpidos (imagem abaixo) que, segundo estudos, representariam mapas estrelares como mostra o site View Zone.

Galáxia de Andromeda 1- M31; 2- Mirach (Beta Andromeda); 3- Alpheratz (Alpha Andromeda); 4- Omicron Andromeda; 5- HR8632, na constelação de Lacerta (Yale catálogo de estrelas); 6- Scheat (Beta Pegasus); 7- Psi Pegasus; 8- Pi Pegasus; 9- Algenib (Gamma Pegasus); 10- Theta, Iota, Lambda, Kappa, Gamma e Omega Pisces; 11- Peixes Beta; 12- Aquarius Eta; 13- Markab (Alpha Pegasus); 14- Homam (Zeta Pegasus); 15- Theta Pegasus; 16- Ancha (Theta Aquarius); 17- Sadalsud (Beta Aquarius); 18- Alpha Equuleus; 19- Enif (Epsilon Pegasus); 20- HR8313, na constelação de Pegasus (Yale catálogo de estrelas); 21- HR8173, na constelação de Pegasus (Yale catálogo de estrelas); 22- constelação Delphinus; ? - Figura ainda não definida no contexto astronômico.


Abaixo da esfera grega, foi desenhado um triângulo dentro de um círculo com escritas nos seus lados. Os defensores da teoria de que esta seria uma esfera mágica para jogos enxergam uma representação esculpida de um campo de jogo, mostrando o que parecem anotações parecidas àquelas feitas por treinadores de time de futebol.

Um triângulo circunscrito com inscrições não decifradas abaixo da esfera


Apesar do grande mistério que cerca esta esfera pouco conhecida pelo mundo, parece que a explicação de ser um talismã supersticioso foi o suficiente para os estudiosos. Será que isso encerra a discussão? Será que tanta simbologia que se perdeu no tempo retrata apenas a vontade de um torcedor de usar poderes mágicos para ver seu time predileto vencer um campeonato? Será que essa esfera guarda conhecimentos alquímicos velados? 

Se você tem mais alguma informação ou sugestão a acrescentar, escreva para A Mochila e o Mundo ou curta e comente na nossa fanpage do Facebook.



Estudo feito por: Renan Antunes

Bibliografia:

[1] Armand L. Delatte. Études sur la magie grecque: Esfera magique du Musée d'Athènes . Boletim de correspondência Hellenique, 1913, Volume 37 Issue 37, pp 247-278..

Jesse Waugh: www.jessewaugh.com

Daily Grail: http://dailygrail.com/

Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Anterior Proxima Página inicial

Reservas na Asia

trazy.com

Promoção! Reserve aqui

Booking.com

Se inscreva no canal

Clique aqui para seguir no

Pesquise o seu destino aqui

Booking.com

Leia Também

Notícias de Viagens

Viagens pelo Mundo

Sobre o autor

Sobre o autor
Renan tem 35 anos, é carioca, mochileiro, torcedor do Botafogo, historiador e arqueólogo amador. Gosta de viajar, fazer trilhas, academia, ler sobre a história do mundo e os mistérios da arqueologia, sempre comparando os lados opostos de cada teoria. Cada viagem que faz é fruto de muito planejamento e busca conhecer o máximo de lugares possíveis no curto período que tem disponível. Acredita que a história foi e continua sendo distorcida para beneficiar alguns grupos, e somente explorando a verdade oculta no passado é que se consegue montar o quebra-cabeça do mundo.

Total de visualizações