Panamá: Dicas de transporte na capital

Transporte organizado e barato 



O sistema de transporte na Cidade do Panamá é organizado e não é caro. As características são as seguintes:

Metrô – Quando eu estive na Cidade do Panamá, no início de 2012, o sistema de metrô ainda estava sendo construído, com previsão de término no final de 2013. O projeto previa 15 estações, sendo 8 subterrâneos, 6 suspensos e 1 de superfície. A estação inicial seria no Terminal de Transporte de Albrook.

Ônibus – O principal meio de transporte e bem eficiente. A cidade é cortada por duas grandes vias exclusivas para ônibus, como o Corredor Norte e o Corredor Sul. Existem outras avenidas e cruzam toda a cidade com trajetos de ônibus, porém essas possuem engarrafamentos em horários de pico. A maioria dos ônibus são climatizados e novos. Também encontramos os tradicionais ônibus caribenhos (cheio de cores e enfeites). Agora atenção! No período em que eu estive na Cidade do Panamá, a passagem desses tipos de ônibus (novos, com ar condicionado e rápidos) era de U$ 0,25!!!! E as empresas de ônibus no Brasil fazendo de tudo para tirar lucro dessa prestação de serviço...

Táxi – Os táxis não são tão caros como no Brasil, mas se deve ficar atento. Não existe taxímetro então é bom combinar a corrida antes com o taxista. Se pedir táxi em hotel, é mais caro. Se pegar na rua, é mais barato, mas pode pegar um taxista malandro. Eu fui parar na polícia por causa de um desses manés que tentou me enrolar. A maioria paga para não se estressar, mas eu fiz ele me acompanhar na delegacia! No final ele se deu mal. A história completa eu conto no link: CASO DE POLÍCIA!

Em 2012, o preço padrão para um táxi pego na rua, com destino ao Canal do Panamá + espera motorista + retorno, era de apenas U$ 20.



     LEIA TAMBÉM:

     A CIDADE DO PANAMÁ

     DICAS DE COMPRAS



Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Anterior Proxima Página inicial

Reservas na Asia

trazy.com

Promoção! Reserve aqui

Booking.com

Se inscreva no canal

Clique aqui para seguir no

Pesquise o seu destino aqui

Booking.com

Leia Também

Notícias de Viagens

Viagens pelo Mundo

Sobre o autor

Sobre o autor
Renan tem 35 anos, é carioca, mochileiro, torcedor do Botafogo, historiador e arqueólogo amador. Gosta de viajar, fazer trilhas, academia, ler sobre a história do mundo e os mistérios da arqueologia, sempre comparando os lados opostos de cada teoria. Cada viagem que faz é fruto de muito planejamento e busca conhecer o máximo de lugares possíveis no curto período que tem disponível. Acredita que a história foi e continua sendo distorcida para beneficiar alguns grupos, e somente explorando a verdade oculta no passado é que se consegue montar o quebra-cabeça do mundo.

Total de visualizações